fbpx

Por: Marcella Toldi

 

Se você gosta de viajar e costuma incluir uma competição no itinerário de vez em quando, o planejamento do seu voo pode fazer uma diferença grande no resultado de sua prova, mesmo que seu objetivo não seja um lugar no pódio.

> 4 dicas para pedalar na neve pela TBC!
> 5 dicas para viajar de bicicleta sem preocupações!
> O que é FTP? Como calcular e utilizar nos treinos de bike?

Por isso, confira aqui algumas dicas fáceis para se transformar em um expert de viagens:

Afinal, como combater o jet lag?

 

Como combater o jet lag

#1 – Se for competir, chegue com antecedência

Quando estiver fazendo o planejamento de sua viagem, se tiver uma competição como objetivo no local de destino, programe-se para chegar um dia antes para cada fuso horário avançado. Isso significa que, se for competir em um local que está 3 horas à frente de seu local de origem, procure chegar com três dias de antecedência.

#2 – Escolha uma companhia aérea que não cobre excesso de bagagem para equipamentos esportivos

No primeiro semestre de 2019, algumas das principais companhias aéreas resolveram acabar com a taxa aplicada sobre o case das bikes. As grandes companhias como Delta Airlines, American Airlines, United, Azul, Latam e Gol já fazem parte da lista das que não cobram mais. Contudo, desde que respeitados alguns limites de tamanho e peso especificados em seus sites.

A maioria dos cases maleáveis estão dentro dos limites estabelecidos. Por isso, serão isentos da cobrança se forem despachados como um item comum de bagagem.

#3 – Ajuste-se ao novo horário antes de chegar lá

Na semana que antecede sua viagem, tente tirar entre 30 a 60 minutos por dia da diferença de horários entre o local de origem e o local de chegada. A melhor opção é dormir e acordar mais cedo ou mais tarde, dependendo do seu destino, mas outro truque que funciona é ajustar os horários das refeições.

#4 – Escolha um voo que favoreça o ajuste de horário

Se tiver a opção, escolha um voo noturno para distâncias mais longas, pois isso lhe ajudará a dormir.  Portanto, quando chegar, vai ter muita exposição ao sol e claridade, o que te ajudará o seu corpo a se manter acordado.

#5 – Faça um bom kit conforto para seu voo

Vale a pena levar em uma mochila dentro do avião alguns itens para te ajudar a dormir melhor como: tampão de ouvido, máscara para os olhos, um suplemento para ajudar a dormir como melatonina, uma garrafa de água reutilizável, um casaco confortável e uma meia quentinha.

#6 – Ajuste o relógio antes de chegar lá

 

Como combater o jet lag

Assim que entrar no aeroporto, ainda no local de origem, ajuste seu relógio para o horário do local de chegada. O objetivo é já se ajustar antes de chegar lá para detalhes como tipo de alimentação e horário adequando para tomar um café, considerando o novo fuso horário.

#7 – Se hidrate

 

Como combater o jet lag

Beba muita água, faça um esforço para se manter bem hidratado durante o voo. A pressurização das cabines causa um efeito colateral de te desidratar significativamente. Portanto, procure evitar a ingestão de bebidas alcoólicas e café e invista em um bom estoque de água mineral.

#8 – Faça alguma atividade física leve ao chegar

 

faça uma atividade física leve ao chegar

Tente não tirar uma soneca quando chegar. Pelo contrário, faça um esforço para praticar alguma atividade física leve se tiver chegado durante o dia. Isso vai te dar uma energia extra para o resto do dia, ajudando na qualidade do sono na primeira noite em seu novo destino.

#9 – Use a alimentação ao seu favor

 

Faça um café da manhã reforçado

Se chegar de manhã em seu destino, faça um café da manhã reforçado, para te dar energia e fortalecer seu sistema imunológico e vá diminuindo o tamanho e o peso das refeições ao longo do dia. Além disso, preste atenção à sua hidratação, pois o corpo provavelmente ainda estará desidratado do voo nesse primeiro dia.

#10 – Cuide bem de sua imunidade

Por estarmos em um ambiente fechado e com baixa umidade, nosso sistema imunológico ficará sensível. Além disso, bastante exposto a qualquer tipo de vírus e outras doenças presentes no ar. Portanto, reforce a dose de vitamina C, leve um extrato de própolis na bolsa e procure tomar um suplemento como a glutamina antes, durante e depois do voo. Afinal, prevenir nesses casos será bem melhor do que remediar.

Agora que você já sabe como combater o jet lag, continue acompanhando a TBC e fique por dentro das novidades!